Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Costella apresenta projetos estratégicos de logística e transportes

Propostas para rodovias, portos e transporte coletivo foram divulgadas no Seminário de Governo

Publicação:

Segunda parte do evento foi realizada nesta segunda-feira (15)
Segunda parte do evento foi realizada nesta segunda-feira (15) - Foto: Itamar Aguiar/Palácio Piratini
Por Juliana Pretto/Selt - com informações da Secom

O secretário de Logística e Transportes, Juvir Costella, participou da segunda parte do Seminário de Governo, nesta segunda-feira (15). O evento – realizado na Casa da Música da Ospa, em Porto Alegre – reuniu todas as 22 secretarias, que apresentaram os 92 projetos integrantes do Mapa Estratégico do Estado.

Costella detalhou três projetos prioritários da pasta de Logística e Transportes. O primeiro é o Amplia RS, que tem como objetivo o aumento da capacidade da malha rodoviária estadual, através da pavimentação de acessos municipais, ligações regionais e duplicação de rodovias. “O nosso objetivo é reduzir custos logísticos, melhorar a infraestrutura e fortalecer o desenvolvimento regional”, destacou o secretário. “Temos 70 municípios sem asfalto em pleno século XXI. Ao darmos melhores condições de trafegabilidade às cidades, teremos sustentabilidade, melhor escoamento da produção local e a garantia de novos investimentos”, concluiu.

O segundo projeto apresentado foi a restruturação dos portos e hidrovias do Rio Grande do Sul. A proposta está centrada em três ações: a restruturação do modelo de gestão portuária e hidroviária, a viabilização da dragagem do Porto do Rio Grande e o controle do tráfego portuário. “Queremos modernizar o nosso Complexo Hidroportuário Gaúcho para que ele vá ao mercado competindo com outros estados do Brasil, com aprimoramento técnico e eficiência de gestão”, garantiu Costella.

Por fim, o titular da pasta falou sobre o Plano Diretor de Transporte Intermunicipal de Longo Curso (PDTC). A ideia é licitar os 14 mercados que compõem o sistema – que conta com, aproximadamente, 1600 linhas de ônibus e mais de 200 agências e estações rodoviárias. O resultado pretendido é a cobertura de quase todo o território gaúcho com o serviço de linhas regulares, qualificar e ampliar o serviço prestado aos usuários e a renovação de parte da frota. “O plano vai introduzir um novo modelo de operação, mais moderno, mais eficaz, eficiente e transparente, para esse setor essencial à população do estado”, enfatizou Costella.

O secretário também destacou o programa RS Parcerias, que vai conceder à iniciativa privada as rodovias RSC-287, a ERS-324 e a Rodoviária de Porto Alegre. “Quero agradecer os meus colegas das vinculadas e a equipe do governo que, junto comigo, estão desenvolvendo projetos para qualificar a malha rodoviária estadual. Sou movido por desafios e é uma alegria estar fazendo parte desta gestão e do projeto RS Parcerias, que foi o primeiro de muitos projetos que vão potencializar o Rio Grande do Sul”, concluiu.

Próximos passos

A partir da apresentação no Seminário de Governo, as secretarias estaduais trabalharão durante o próximo mês na definição de orçamento, prazo de execução, métricas e demais detalhes de cada projeto.

Depois disso, na metade de maio, o governo irá iniciar a integração do Mapa Estratégico com o processo de Acordo de Resultados e Monitoramento de Resultados. Todo esse planejamento servirá de âncora, ainda, para a elaboração do Plano Plurianual (PPA), que começa ainda em abril.

Secretaria de Logística e Transportes