Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Estado conclui recuperação da ERS-223, na região noroeste

Mais de R$ 14 milhões foram investidos no trecho entre Ibirubá e Tio Hugo

Publicação:

A foto mostra um trecho da rodovia ERS-223, com asfalto e sinalização renovados
Condições de tráfego estão renovadas em 12 quilômetros da rodovia - Foto: Divulgação/Daer
Por Liana Ramos Carvalho/ACS Daer

O Governo do Estado concluiu este mês a restauração da ERS-223, entre os municípios de Ibirubá e Tio Hugo, na região noroeste. Os serviços renovaram as condições de tráfego em 12 quilômetros do trecho.

As obras integram o Contrato de Recuperação e Manutenção de Rodovias (Crema) e contaram com investimento de R$ 14,1 milhões do Tesouro do Estado.

Imagem mostra van e caminhão tarfegando pela rodoviaMais de R$ 14 milhões foram investidos na recuperação do pavimento e da sinalização - Foto: Divulgação/Daer

"Recuperamos uma rota estratégica para o agronegócio, por onde escoa parte importante da safra de soja e milho do noroeste do estado", ressalta o secretário de Logística e Transportes, Juvir Costella. "Com a ERS-223 revitalizada, estamos ajudando a impulsionar a economia de uma das principais regiões produtoras do Rio Grande do Sul."

Iniciadas em agosto deste ano, as atividades - executadas pelo Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer) - incluíram a restauração do pavimento e da sinalização.

“As ações realizadas neste ano complementaram as intervenções que haviam sido feitas em 2020, resultando em uma rodovia com a pista íntegra”, afirma o diretor-geral do Daer, Luciano Faustino. “Por meio dessas obras, conseguimos aumentar a vida útil do pavimento, garantindo um deslocamento seguro para os usuários”, complementa.

No total, R$ 20 milhões foram liberados para o programa Crema, que também prevê obras de recuperação de segmentos da RSC-153, ERS-332, ERS-142 e BRS-386.

Secretaria de Logística e Transportes