Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Novos concessionários da RSC-287 formalizam início das operações

Contrato que garante R$ 2,7 bilhões em investimentos na rodovia foi assinado na Secretaria de Logística e Transportes

Publicação:

Grupo espanhol assume concessão de 204,5 quilômetros da rodovia pelos próximos 30 anos
Grupo espanhol assume concessão de 204,5 quilômetros da rodovia pelos próximos 30 anos - Foto: Júlio Cunha Neto/Selt
Por Júlio Cunha Neto/Selt


O grupo espanhol Sacyr iniciará nos próximos dias os serviços de recuperação da RSC-287, entre Tabaí e Santa Maria. Os diretores estiveram na tarde desta terça-feira (20/7) na Secretaria de Logística e Transportes, em Porto Alegre, para assinar o contrato de concessão dos 204,5 quilômetros da estrada.

O documento, assinado pelo secretário Juvir Costella, prevê R$ 2,7 bilhões em investimentos pelos próximos 30 anos. A principal melhoria será a duplicação de todo o trecho concedido - uma reivindicação de mais de duas décadas da sociedade.

"É uma parceria que resultará em inúmeros benefícios à população gaúcha, a começar pelo conforto e a segurança de quem trafega pela 287", reforçou Costella. "Sem dúvidas, a duplicação da rodovia já tem atraído o interesse de investidores, o que irá gerar desenvolvimento aos municípios por onde a rodovia passa", complementa.

Durante o ato de assinatura, os representantes do grupo espanhol destacaram a segurança jurídica e a seriedade com a qual o governo do Estado conduziu o processo de concessão.

"Estamos muito felizes em firmar este contrato, que marca o início de nossas atividades no Brasil", afirmou o diretor da Sacyr Concessões, Aquilino Spejo.

O contrato estabelece que 65% da rodovia devem estar duplicados até o nono ano de concessão, contemplando os 133 quilômetros de Tabaí a Candelária. Toda a obra vai beneficiar diretamente 12 municípios.

Secretaria de Logística e Transportes